Notícias

História

Mulher-dama: época de ouro dos castelos e bregas de Salvador

Jorge Amado convidou o fotógrafo Flávio Damm para registrar em 1966 o cotidiano das prostitutas que reinavam no centro da Cidade da Bahia. Locais do prazer e boa prosa. O livro nunca foi publicado. Mas agora podemos ver a exposição das fotos que revelam parte da história da cidade.
.

Cultura

Afinal o dia dela chegou. Odô Iyá!

Dois de fevereiro. Dia de oferendas nas águas para a rainha dos mares desta vida. OutraBahia relembra o que os três mosqueteiros, que eram quatro, cantaram, pintaram e escreveram em louvor à festa do Rio Vermelho: Dorival Caymmi, Pierre Verger, Jorge Amado e Carybé.

Festas Populares

Viva Santa Bárbara, eparrei Oyá!

A Festa de Santa Bárbara abre o ciclo de festejos populares do Verão Baiano, que segue com Conceição da Praia, Santa Luzia, Boa Viagem, Lavagem do Bonfim já em janeiro, o 2 de fevereiro no Rio Vermelho, até o Carnaval, na semana seguinte à festa de Iemanjá.